Hospital Bruno Born conclui treinamento na Interact

Equipe do Hospital Bruno Born com Sabrine Datsch e Pedro Krüger na Interact Bridges
Tempo de leitura: 4 minutos

O cliente Hospital Bruno Born, de Lajeado (RS), concluiu ontem (11) o BPM Week da Interact, seminário intensivo sobre a metodologia BPM – Business Process Management (Gerenciamento de Processos de Negócio, em português). O treinamento foi realizado na Interact Bridges, a Unidade de Pesquisa, Inovação e Internacionalização situada no Parque Científico e Tecnológico do Vale do Taquari (Tecnovates).

O seminário intensivo contou com 12 participantes do hospital, vinculados às áreas administrativa, assistencial, hotelaria, governança, recursos humanos e tecnologia da informação. Ao todo, foram cinco dias de aprofundamento teórico com atividades práticas, exercícios dinâmicos e estudos de caso. Os treinamentos foram ministrados por Sabrine Datsch e Pedro Krüger, da Interact.

Essa foi a primeira etapa do projeto de implantação do SA Process Manager no hospital. A próxima será identificar melhorias, com base no Ciclo de Gestão por Processos. O BPM Week da Interact busca atrelar o conceito com prática de pensar a organização pela ótica dos processos. As ações se vinculam à solução para Gestão por Processos, que integra ferramentas para gerenciar processos organizacionais em linha com a metodologia BPM.

Melhoria assistencial

Na opinião da gerente administrativa do Hospital Bruno Born, Cleusa Marchi, o BPM Week foi bastante enriquecedor, em especial pela diversidade de áreas participantes. “Penso que essa junção de saberes diferenciados está agregando muito, demandando um outro olhar para as nossas atividades e otimizando tarefas, tempos e recursos para termos um melhor desempenho dos processos”, comenta.

O objetivo final é proporcionar um melhor atendimento, conforme a gerente administrativa. “O grande ganho de um desenho de processo é conseguirmos levar ao nosso paciente mais segurança, agilidade e resolutividade. Então essa parceria da Interact com o Hospital Bruno Born está sendo muito gratificante, nos proporcionando esse treinamento e nos auxiliando na implementação da ferramenta BPM de uma forma efetiva”, conclui.

Já para a coordenadora do setor de Qualidade do Hospital Bruno Born, Samanta Vanzin, a imersão em BPM na Interact trouxe muitos ganhos. “Durante os exercícios práticos, a gente já começou a repensar os processos de trabalho. Acredito que a gente vai dar mais agilidade aos processos internos, principalmente com foco no setor de RH, pois são atividades muito burocráticas e que demandam muito tempo das equipes”, explica.

O treinamento vai refletir na qualidade assistencial, de acordo com Samanta. “Isso vai gerar um ganho de tempo nas atividades e, com essa diminuição de retrabalho, refletir na melhoria da qualidade da assistência ao profissional e, consequentemente, ao paciente, que vai ter um atendimento muito mais humanizado, muito mais qualificado, com as pessoas mais focadas na assistência”, comenta.

Pedro Krüger auxilia na modelagem no SA Process Manager

Comentar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: